Xingu/Terra

Xingu/Terra
Brasil, 1981, 74'
Maureen Bisilliat

Narrado por Orlando Villas-Bôas, o filme retrata o cotidiano da aldeia indígena Mehinaku: a plantação e a colheita da mandioca, a pesca, a preparação da tinta de urucum, a modelagem da cerâmica doméstica. A divisão de tarefas entre os homens e as mulheres, a terra coletivizada, o chefe conselheiro da tribo, o relacionamento entre pais e filhos; a apresentação do sistema de valores que mantém o equilíbrio entre o homem, a aldeia e a natureza. A obra foi escolhida para abrir o importante Festival Margaret Mead (Museu de História Natural, Nova York).

Principais Festivais e Prêmios

Festival Margaret MeadMelhor fotografia e Melhor técnico de som no Festival de Brasília do Cinema Brasileiro

Direção

Maureen Bisilliat

Roteiro

Maureen Bisilliat

Fotografia

Lúcio Kodato

Edição

Roberto Gervitz

Elenco

Orlando Villas-Bôas (narração)