Especial Semana do Meio Ambiente 2022

Dos Limites do Crescimento à Emergência Climática

Para marcar a primeira década de vida da Mostra Ecofalante de Cinema Ambiental (a Mostra foi criada em 2012), organizamos este debate para lembrar de outra efeméride: 50 anos atrás, em junho de 1972, a ONU organizou a primeira conferência internacional em torno das questões ambientais – evento que serviria de modelo para a Rio 92, vinte anos mais tarde. Conhecida como a Conferência de Estocolmo, foi ali que se tornou público o Relatório Meadows, também conhecido como "Limites do Crescimento".

Neste debate, nossos convidados vão falar sobre os avanços e os retrocessos desta discussão iniciada 5 décadas atrás; quais são os maiores desafios para se conseguir uma cooperação, de fato, global?

 Já é possível ativar o lembrete do debate aqui (canal YouTube da Mostra Ecofalante).

Para saber mais sobre a programação, siga as redes sociais da Mostra Ecofalante (Facebook e Instagram) e baixe o folder interativo aqui.


SOBRE O DEBATE:

Na quinta-feira, 2 de junho, às 19h00 (horário de Brasília), nossos convidados falam sobre “Dos Limites do Crescimento à Emergência Climática”.

Para a discussão, contaremos com os seguintes convidados:

Daniela Chiaretti (Mediadora)

Daniela Chiaretti é repórter especial de Ambiente do Valor Econômico desde 2005 e tem feito a cobertura das grandes conferências ambientais das Nações Unidas. Foi editora-chefe da revista "Marie Claire" e trabalhou na "Gazeta Mercantil", "Folha de S. Paulo", "Veja" e "UOL". Ganhou o Prêmio Esso de Informação Científica, Tecnológica e Ambiental em 2011 com reportagem feita em viagem ao Ártico, em julho de 2010. Em 2019, o governo francês lhe concedeu o título de "Chevalier" da Ordem Nacional do Mérito.

Fabio Scarano (Debatedor)

Engenheiro Florestal, Ph.D. em Ecologia e Professor Titular da UFRJ. Atuou nos painéis da ONU para o clima e biodiversidade e foi dirigente no Jardim Botânico do Rio, na Conservação Internacional e na Fundação Brasileira para o Desenvolvimento Sustentável. Recebeu dois Prêmios Jabuti de Literatura na área de Ciências Naturais. Seu livro mais recente é Regenerantes de Gaia (Dantes Editora, 2019) no qual, entre outras coisas, dá vazão à sua paixão pelo cinema.

Maria Cecília Wey de Brito (Debatedora)

Maria Cecilia Wey de Brito é mestre em Ciência Ambiental pela Universidade de São Paulo, e Engenheira Agrônoma pela Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiróz (ESALQ/USP). Foi Secretária Geral (CEO) do WWF-Brasil por 4 anos. No Governo Federal, trabalhou no Ministério do Meio Ambiente como Secretária Nacional de Biodiversidade e Florestas. No Governo do Estado de São Paulo foi Diretora Geral do Instituto Florestal e Diretora Executiva da Fundação Florestal. Desde 2016 está no Ekos Brasil como responsável por relações institucionais e coordenação de projetos.

Paulo Artaxo (Debatedor)

Professor titular em Física Atmosférica do Instituto de Física da Universidade de São Paulo (USP) e pós-doutor pela Universidade Harvard (EUA), Artaxo é membro titular da Academia Brasileira de Ciências (ABC), da World Academy of Sciences (TWAS) e de oito painéis científicos internacionais, entre eles o Painel Intergovernamental de Mudanças Climáticas (IPCC) – onde integrou a equipe vencedora do Prêmio Nobel da Paz de 2007.