Especial Semana do Meio Ambiente

Saúde: como comunicar em tempos de crise sanitária e fake news?

Um tema que não podemos deixar de fora na Mostra Ecofalante - Especial na Semana do Meio Ambiente, é o tema da saúde. Mais precisamente, o papel da comunicação em uma das mais graves crises sanitárias dos últimos tempos, em um dos países mais desiguais do mundo.



Ebola: Sobreviventes” (Survivors, EUA, Arthur Pratt, 2018, 83’) retrata a epidemia de ebola que acometeu Serra Leoa, em 2014-2015. Filmado por um coletivo de cineastas do país africano, o documentário revela cenas impressionantes de descaso, abandono, fake news e atos singelos de coragem que nos remetem a uma história nem tão distante daquela que estamos vivendo hoje aqui. 


O filme será disponibilizado na plataforma Videocamp a partir das 17h00 da quinta-feira, 4 de junho até o encerramento da Mostra, às 23h59 da terça-feira, 9 de junho. O acesso gratuito se dá a partir do cadastro na plataforma online (para se cadastrar, clicar aqui).


Na segunda-feira 8 de junho, às 19h00, nossos convidados debatem sobre o tema “Saúde: como comunicar em tempos de crise sanitária e fake news?”. O debate ao vivo será mediado pela jornalista Mariluce Moura.

Siga as redes sociais da Mostra Ecofalante para acessar o debate ao vivo. Já é possível ativar o lembrete do debate aqui (Facebook) e aqui (YouTube).
 
Para a discussão, contaremos com os seguintes convidados:

Mariluce Moura (Mediadora)

Jornalista, é mestre e doutora em comunicação pela UFRJ. em 1999, criou e foi diretora de uma das maiores revistas especializadas em divulgação de ciência no Brasil: a Pesquisa Fapesp. É a criadora e coordenadora de Ciência na rua (www.ciencianarua.net), projeto que oferece conteúdo científico focado no público jovem.

Douglas Rodrigues (Debatedor)

Médico sanitarista, é coordenador do Programa Xingu e professor da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp).

Ana Paula Morales (Debatedora)

É pesquisadora e jornalista de ciência, com ampla experiência em comunicação nas áreas de ciência, tecnologia e ensino superior. Cientista de formação (biomédica com mestrado em farmacologia), especializou-se em jornalismo científico, área em que atua há 12 anos. Atualmente, faz doutorado em política científica e tecnológica no DPCT-IGE-Unicamp. É sócia-fundadora da consultoria DATA14 e coordenadora da Agência BORI.

Amanda Rahra (Debatedora)

Co-fundadora da Énois, é formada em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina e pós-graduada em gestão da comunicação pela ECA-USP. Atua nas áreas de produção, rede e relacionamento – captando recursos, cuidando das parcerias e divulgando o trabalho dos jovens jornalistas da Escola de Jornalismo.