Campo

A Nova Corrida Pelo Ouro Verde

  • sáb 02.jun - 20:00 RESERVA CULTURAL • Avenida Paulista, 900 - Bela Vista - ver no mapa
Este ano a temática “Campo” nos traz personagens que lutam ao redor do mundo para manter a terra produtiva, saudável e bem distribuída. Neste combate, enfrentam gigantes que querem espoliar e especular sua terra, mudanças climáticas que arrasam plantações ou o peso de um passado autoritário que os impede de seguir em frente. 
Desde o início da década de 10 há uma nova corrida mundial por terras aráveis no mercado financeiro,  movimentando desde grandes investidores até órgãos internacionais que visam o desenvolvimento e a preservação ambiental. Na sequência do filme "Burros Mortos Não Temem Hienas", exibido às 18h30, nossos convidados debatem “A Nova Corrida Pelo Ouro Verde” e a importância do Brasil nessa dinâmica econômica.

O Debate irá acontecer no Reserva Cultural, no dia 2 de junho, sábado, às 20h00.
 
Para a discussão, além do público presente, contaremos com os seguintes convidados:

Arilson Favareto

Sociólogo, doutor em ciência ambiental pela USP. É professor da UFABC e pesquisador do Cebrap. Tem trabalhado ao longo dos últimos 20 anos em temas relacionados a desenvolvimento territorial, com pesquisas em áreas rurais do Brasil, África e América Latina. Também realizou vários trabalhos para governos e organismos de cooperação do Sistema Nações Unidas.

Giselle Paulino

Jornalista e mestre em Práticas em Desenvolvimento Sustentável pela UFRRJ, desenvolveu pesquisa em segurança alimentar e nutricional na Etiópia, com trabalhos de campo entre 2015 e 2017.  Fez reportagens sobre meio ambiente e sustentabilidade em países como Namíbia, Madagascar, Índia e China.

Henri Acselrad

Henri Acselrad possui mestrado em Economia pela Université Paris 1 (Panthéon-Sorbonne) e doutorado em Planejamento, Econ. Pública e Org. do Território pela Université Paris 1 (Panthéon-Sorbonne) (1980). Atualmente é Professor Titular do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano e Regional da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Tem experiência na área de Planejamento Urbano e Regional, atuando principalmente nos seguintes temas: Modelos de desenvolvimento e conflitos ambientais; Ecologia política da sustentabilidade; Política e regulação ambiental; Apropriações sociais da sustentabilidade urbana; Movimentos sociais, desigualdade e justiça ambiental; Cartografia social.

Luís Indriunas

Jornalista e dramaturgo, Luís Indriunas tem mais de 20 anos de trabalho em comunicação. Foi correspondente da Folha de S.Paulo, em Belém do Pará; editor-executivo do jornal O Liberal (PA) e editor de política do UOL Notícias. É mestre em planejamento do desenvolvimento pelo Núcleo de Altos Estudos Amazônicos da Universidade Federal do Pará. Atualmente, colabora no projeto De Olho nos Ruralistas.