O Panorama Internacional Contemporâneo apresenta obras, em sua maioria inéditas no Brasil, de vitrines prestigiosas como os festivais de Cannes, Sundance, Roterdã, Locarno, Berlim, Leipzig, IDFA – Amsterdã (considerada a “Cannes” do cinema documental), entre outros. A programação foi organizada pela curadoria nas temáticas Cidades, Economia, Povos & Lugares, Recursos Naturais, Saúde, Sociobiodiversidade e Trabalho. Cada eixo é objeto de concorridos debates com especialistas e realizadores, uma tradição da Mostra Ecofalante.